Marvel’s Daredevil – 2ª Temporada Ep. 8 – 13 | Review

Se o foco inicial dessa segunda temporada é Frank Castle e seu Justiceiro, já pela metade dos episódios quem começa a ganhar destaque é Elektra Natchios, a ex-namorada do Matt que também foi treinada por Stick. Por si só, a trama do Justiceiro não era o suficiente para segurar uma temporada inteira sozinha, logo Elektra serve como mais um contra-ponto do herói de Hell’s Kitchen, já que também não joga de acordo com as regras de Matt.

Demolidor season 2 - elektra

Um grande destaque em comparação com a temporada anterior é o uso de personagens femininas, que mostram alguma utilidade e são extremamente revelantes em cenas chaves da série. A primeira é Karen, que após ser secretária no escritório de advocacia dos Avocados of Law, passa a ser jornalista no Boletim e constantemente reafirma “Eu não preciso ser salva”. E claro temos Elektra, numa ótima versão de Elodie Young, uma assassina master pareo para o Demolidor.

Os flashbacks continuam sendo inseridos de maneira casual durante a série, somente quando precisamos conhecer um pouco mais das relações entre os personagens. O destaque dessa segunda temporada ficam por conta do passado de Elektra sendo treinada por Stick e ainda a primeira vez em que ela e Matt se conheceram e todo o desenrolar disso que termina com Matt diante do cara que encomendou a morte de seu pai, talvez o primeiro momento em que ele possui o embate interior que futuramente teria com o Justiceiro, amarrado no alto de um prédio.

Demolidor season 2 - punisher

O ponto negativo que percebi, principalmente nessa segunda parte da temporada, foi o amontoado de informações que foram expostas e que deixam muitas perguntas pra depois, algo sempre perigoso para manter uma narrativa coesa, principalmente em um universo tão grande quanto o do Marvel (TV aberta – Netflix – Cinema). A gente chega a ouvir o que é o Céu Negro, mas de fato não sabemos o que ele é, nem pra que serve, e olha que desde a temporada passada ele vem sendo citado.

Fora o Justiceiro e Elektra, a série ainda arruma um tempo para sabermos o que Wilson Fisk anda fazendo na prisão, e embora o tempo seja bem curto, ele foi essencial para mostrar que Matt terá problemas bem mais sérios no futuro. Unir o melhor arco dessa temporada com um arco do ano anterior foi uma solução econômica e eficaz de mostrar uma coesão da série e evitar a sensação de capítulos que cada adaptação de quadrinhos parece ter. Pela primeira vez vemos Fisk como o verdadeiro Rei do Crime na cadeia, sendo estrategista e sem piedade com o Justiceiro, que faz as honras do seu nome quando está preso. Aliás, que burrada do Matt em ir pagar uma visita para o Fisk e de boas ameaçar a mulher que o cara idolatra, na temporada passada tentaram matar a Vanessa envenenada e Fisk respondeu com morte.

Apesar disso, o plot envolvendo The Hand chega por vezes a ser confuso demais e jamais chegamos perto de saber a motivação do grupo. Mesmo o embate místico entre Stick e Matt, envolvendo The Hand é deixado de lado, Matt não o confronta mais sobre isso, apenas parte pra luta sem se dar ao trabalho de entender o que há por trás daquilo (reparem que ele nem sequer investiga pra onde as crianças-zumbis foram levadas). Mas, apesar disso, não dá pra negar que é extremamente cool ver ninjas pulando pra cima e ora baixo e mais legal ainda ver as cenas de luta com o Demolidor (há uma cena em especial envolvendo uma luta entre Demolidor, Elektra e Stick vs ninjas que deu pena ter sido tão curta).

Demolidor season 2 - fisk

Um outro destaque feminino da temporada foi Claire Temple, que, além de ganhar mais importância (ela até participa de uma cena de luta), ela mostra sua insatisfação com os crescentes crimes e há uma ótima cena no telhado do hospital em que ela dialoga com Matt acerca da importância do trabalho que ele faz, mesmo reconhecendo que ele não é obrigado a fazer aquilo, Claire parece mesmo que vai ser a ligação com os diversos heróis, uma vez que apareceu em Jessica Jones e já está confirmada na série solo do Luke Cage.

No mais, Marvel’s Daredevil ganhou uma ótima continuação, a troca de showrunners não afetou a qualidade do programa e ainda soube equilibrar bem a vida de Matt com mais dois personagens igualmente interessantes que devem continuar aparecendo em futuras tramas. Aliás, eu curto quando as tramas apresentadas não são episódicas, nem todo vilão precisa morrer pra encerrar uma história, assim como nem todo herói precisa ganhar sempre. A próxima aparição confirmada do Demolidor é somente em The Defenders, mas nada impede que ele deva fazer uma participação nas séries de Luke Cage e do Iron Fist.

daredevil-elektra-luta

  • Aliás, a ida de Foggy para a empresa de Jeri Hogarth foi uma boa solução pra unir duas séries aparentemente bem diferentes.
  • Como será que a Elektra vai voltar? Consciente ou puro mal? Seria ela a grande vilã que irá unir o pessoal em The Defenders?
  • Como Karen irá reagir à revelação do Matt ser o Demolidor eu não faço ideia, mas não foi um cliffhanger que me deixou sem fôlego não, principalmente porque a relação entre os dois foi tendo cada vez menos destaque nessa segunda metade da temporada.
  • Falando em importância, o quão anti-climax foi a revelação de que o coronel Schoonover era o Blacksmith? Acho que ela veio tarde demais para a série e acabou saindo aquilo.
  • Palmas para o design de produção por mostrar a importância da caveira pra composição do personagem Justiceiro e de que a “camisa” não é simplesmente uma camisa e sim um colete. Genial!
  • Falando no Justiceiro, não faço ideia de pra onde o personagem vai e o que diabos era aquele CD escrito “micro”, só espero que ele não demore muito pra dar as caras. Uma série solo não seria nada ruim.
  • Queria terminar essa review com a pergunta: “O que diabos era aquele buraco gigante?” Sério, what the hell?

Clique Aqui para ler a primeira parte da review

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s