Steve Jobs | Crítica

Jobs 1

Dois grandes problemas de cinebiografias são a romantização e endeusamento da pessoa retratada. Geralmente esses filmes caem nos mais diversos clichês e perdem a oportunidade de se tornarem um filme mais interessante para o telespectador. Um exemplo recente (e até do Oscar passado) é A Teoria de Tudo, que preferiu romantizar a vida de Stephen e Jane Hawking do que nos dar algo mais interessante do gênio da física. Em Steve Jobs, o roteirista Aaron Sorkin (injustamente deixado de lado na disputa pelo Oscar) junto ao diretor Danny Boyle deixam todo e qualquer romantismo de lado, desmistificando a figura do idolatrado fundador da Apple. Steve Jobs aqui é retratado como uma pessoa real, com suas qualidades e defeitos.

O roteiro, aliás, junto com interpretações fantásticas, é o grande trunfo desta nova cinebiografia de Steve Jobs (e aviso que não vi a mal falada estrelada por Ashton Kutcher). Aaron Sorkin divide o filme em três partes que são três grandes momentos importantes da vida de Jobs do conhecimento público: o lançamento do Macintosh, a saída da Apple e o lançamento da NeXT, a compra da NeXT pela Apple e seu retorno à empresa e o lançamento do iMac.

Jobs 3

E não vá esperando apresentações muito elaboradas sobre esses produtos, já que todo o filme se desenrola nos bastidores desses eventos em que as pessoas mais próximas aparecem para resolver pendências pessoais com Jobs: o co-fundador da Apple, engenheiro eletricista e programador de computadores Steve Wozniak (Seth Rogen), o cientista da computação Andy Herzfeld (Michael Stulbarg), o “homem que demitiu Steve Jobs” John Scully (Jeff Daniels) e sua filha Lisa Brennan-Jobs (interpretada por três atrizes diferentes, mas boas – principalmente a pequena Makenzie Moss), que ele relutou para reconhecer.

Tudo isso sempre acompanhado de sua leal gerente de marketing Joanna Hoffman, interpretada com a habitual maestria de Kate Winslet, que faz uma excelente dupla com Michael Fassbender, sendo a única capaz de compreender Jobs. Sendo assim, não podemos deixar de enfatizar o trabalho impecável de Fassbender, que consegue não só captar todo o jeito de Jobs na fala e no comportamento como acrescenta no olhar a sutileza que precisamos para sentirmos raiva e ao mesmo tempo admiração por sua figura egocêntrica, megalomaníaca, egoísta e cabeça-dura. Não à toa seu nome era o mais cotado para uma possível ameaça ao Oscar de Leonardo DiCaprio este ano por “O Regresso”, que é praticamente dado como certo (dessa vez vai, Leo!).

Jobs 2

Danny Boyle fez um bom trabalho de direção acompanhando a agilidade do roteiro e acrescentando elementos para que possamos seguir junto com os pensamentos de Jobs. Até mesmo o uso de um flashback é intercalado com o presente em uma edição constante. Quem for assistir deve estar preparado para 2h20 de diálogos rápidos e afiados – qualquer distração e uma parte importante é perdida. Para aqueles que gostam de cinebiografias mais completas, esta deixará a desejar, já que não abrange toda a vida de Jobs, nem mesmo seu casamento e seus outros filhos são retratados ou mencionados. Aqueles que não se apegam a isso podem assistir sem medo.

 

Cotação-4-5

Steve Jobs (Steve Jobs)

Steve Jobs - poster nacional

Direção: Danny Boyle

Roteiro: Aaron Sorkin, baseado no livro de Walter Isaacson

Elenco: Michael Fassbender, Kate Winslet, Seth Rogen, Jeff Daniels, Michael Stuhlbarg, Katherine Waterston, Adam Shapiro, Alice Aoki, Jackie Dallas, John Ortiz, Makenzie Moss, Perla Haney-Jardine, Ripley Sobo, Sarah Snook, Vanessa Ross, Stan Roth, John Steen, Karen Kahn, Noreen Lee, Robert Anthony Peters.

Gênero: Drama

Duração: 122 minutos

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s