Jessica Jones S01E10 – AKA 1,000 Cuts | Review

robyn-jessica-jones-1000cuts

Quem acompanha as reviews sabe o quão desnecessário eu achava o plot envolvendo Jeri/Wendy/Pam, algo que me provou errado e que teve um importante papel nesse décimo episódio da série e que contribuiu com uma das cenas mais sanguinárias da série. Desde a burrada que Jeri cometeu no episódio anterior, era previsível que nada sairia como desejado e a “morte com 1000 cortes” caiu como uma luva para a personagem, a morte de sua ex-esposa por sua atual namorada sequer abalou emocionalmente a advogada.

Jeri ainda revelou o motivo de ter recuperado o feto abortado por Hope, e o fato dele ainda ser mantido congelado em um laboratório me diz que essa história ainda não terminou para Kilgrave. Ainda restam três episódios para o fim da temporada e algum uso o vilão deve fazer do feto, ainda mais que sabemos que sua habilidade é, na verdade, uma infecção, um vírus, o que leva Jessica a ser a cura, já que está imune a seus comandos.

Falando nisso, ainda não estou 100% certo de que a vacina do Dr. Albert não funcionou, dava pra ver uma resistência em seu andar logo após o comando do filho. Se tudo aquilo não passou de uma atuação, saberemos no próximo episódio.

Lembram que eu falei que a pior irmã tinha sobrevivido, bem, ela foi responsável por uma das piores cenas escritas na série. A descoberta do assassinato de seu irmão e o seguinte motim montado com o grupo de apoio foi de uma birrazice extrema, não ha verdade na personagem, e nem em suas ações. Fora que a série ainda peca diversas vezes no uso da lógica pois somos levados a crer que Jessica pode voar e tem super poderes, mas logo em seguida ela é derrubada por 3 humanos e passa horas desacordada. Ok, então.

Felizmente essa cagada do episódio levou ao desfecho com a morte de Hope, confesso que mesmo não tendo me apegado muito à menina, sua morte foi impactante, parece que ela usa mais o raciocínio que a própria Jessica, e tem um senso de altruísmo mais racional, não dá pra salvar tudo e todos e voltar a ser feliz como Jess parece idealizar.

  • Uma pesquisa rápida de informações leva a crer que Simpson será o vilão Nuke. Embora seu objetivo em matar Kilgrave seja perfeitamente entendível, o assassinado de Clemons é o momento em que mostra que ele perdeu o controle de si. Felizmente Trish não parece ser do tipo que banca a mocinha.
  • Série da Netflix mostrando um padrão com detetives morrendo próximo da season finale.
  • A série ainda tem um problema de ritmo, há boa intenção, mas não há um equilíbrio.
  • Com Hope fora da parada a merda ficou séria agora.

Confira mais reviews de Mavel’s Jessica Jones

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s