Narcos S01E10 – Despegue | Review

Narcos resolveu mesmo botar o pé no freio e esqueceu um pouco o tom documental que saltava meses em segundos. E devo dizer que a série ganhou bastante com isso, tanto em qualidade de texto (as informações não mostradas e não jogadas pela narração), quanto pela narrativa que optou por focar na tensão do embate direto entre o exército de Pablo Escobar contra o exército da Colômbia.

narcos-season-finalePelo tom que a série vinha mostrando até aqui, eu imaginava que a temporada iria se encerrar com a morte de Pablo, mesmo com a confirmação da segunda temporada pela Netflix. A série se chama Narcos, e poderia facilmente arrumar material para diversas outras temporadas. Mas é claro que o apelo está mesmo em Pablo Escobar, e embora a gente perceba a qualidade do trabalho de produção por trás da série, principalmente em termos de pesquisa, não dá pra sentir um pena em ver que muito foi disperdiçado ou exposto de uma maneira simplória.

A exposição da prisão particular de Escobar para a imprensa fez com que o governo tomasse uma atitude que ia de encontro ao acordo feito com o narcotraficante. A aparente situação de tranquilidade deixa a mera possibilidade de guerra preocupar o presidente Gaviria a ponto de temer estar se intrometendo nos negócios de Pablo de dentro da prisão. Visão esta que muda ao se dar conta da audácia que Pablo tem em fazer do vice ministro de Justiça seu refém.

No meio disso tudo o agente Murphy foi sequestrado e… eu não poderia me importar menos. Apresentando um dos piores desenvolvimentos da série comparado com o plano inicial que a produção tinha para o personagem, Murphy poderia passar o resto do episódio sumido que não faria diferença, ainda mais com a situação que estava rolando dentro da Catedral. E embora eu até tenha comentado nas primeiras reviews de que ele estivesse disposto a fazer de tudo para capturar Escobar, a série por diversas vezes o deixou de lado, fazendo com que essa mudança tivesse, naturalmente, menos peso dramático.

narcos-wagner-moura-season-finale-10Por fim, a série deixa um final aberto para a segunda temporada que se optar por focar em Escobar terá que diminuir ainda mais o ritmo. Essa mudança, caso ocorra, será bem vinda, o tom documental caiu como uma luva nos primeiros episódios, mas tornou-se bem desnecessário com o passar da série. Assim, não dá pra dizer que a primeira temporada de Narcos é uma obra-prima, mas tampouco é uma série que deve ser desmerecida, ela é no mpínimo, eficaz.

Confira todas as reviews de Narcos.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s