Narcos S01E02 – The Sword of Simón Bolívar | Review

Logo no início de “The Sword of Simón Bolívar” vemos Pablo Escobar se sensibilizar com um cachorro que havia sido morto a tiros segundos antes à sua frente. Tão cena choca por dois motivos: o primeiro é que Escobar é nos apresentado como o vilão, e a princípio soa estranho sua comoção, o segundo é que essa cena serve basicamente para contrastar com a violência que ele próprio irá causar no resto do episódio.

narcos-episode-02A série continua apresentando os personagens de destaque, dessa vez conhecemos um pouco mais sobre Javier Peña (Pedro Pascal de “Game of Thrones”). O seu envolvimento com as prostitutas dos traficantes foi o ponto central do episódio. Após o sequestro da filha de um dos Irmãos Ochoa pelo grupo comunista M-19, Pablo Escobar decide convocar os traficantes para oficialmente criar o cartel de Medellín, e se autodeclara presidente, prometendo o fim dos sequestros (Morte aos Sequestradores) e a libertação Martha Ochoa.

O envolvimento pessoal de Peña é essencial para o desenrolar da trama. O agente promete um visto americano para uma das prostitutas que está disposta a fazer tudo para conseguir uma vida melhor com a filha nos EUA, e ele o faz antes mesmo de saber se é capaz mesmo de conseguir o visto. Talvez por isso a culpa o atinge nos minutos finais quando a moça não aparece para um encontro marcado após a reunião do cartel.

E é nesse momento que o agente Murphy encara a realidade de como as coisas funcionam em Bogotá, bem diferente dos EUA, e se dispõe a ser incluso no que acontecer pela frente, o que deve forçar bastante a linha moral do fins que justificam os meios no episódios seguintes.

narcos-episode-02-bolivarEm relação ao piloto, a série manteve a narração em off, e se no episódio anterior ela tinha sido usada de maneira mais certeira, aqui ela não chega a ser desnecessária, mas é certamente um recurso mais preguiçoso que poderia mostrar aquelas informações de outra forma. A principal mudança em relação ao episódio anterior foi o tom documental, bem reduzido, que deixou de mesclar ficção e realidade e se concentrou somente na narração. Uma pena, pois esse tinha sido um grande destaque pra mim.

  • Você já teve tanto dinheiro que precisou enterrar boa parte deles?
  • Achei a história desse episódio bem mais ágil que o anterior, o que é extremamente normal, mas que também mostra que os roteiristas não estão enrolando, a história tá acontecendo no ritmo correto.
  • Pablo Escobar aparenta ser o tipo de pessoa que gosta do foco e se preocupa com sua imagem, perante o povo e seus inimigos.
  • O que teve de morte no episódio anterior, teve de cena de sexo nesse. Nada contra, apenas uma observação xD
  • Não foi um dia nada fácil para os animais desse episódio.
  • Impossível ver a cena do policial torturando para obter uma informação e não lembrar de Tropa de Elite: “Cadê o baiano?

Confira todas as reviews de Narcos.

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s