O Destino de Júpiter | Crítica

o_destino_de_jupiterO cinema é uma coisa engraçada. Ele tem a capacidade de surpreender com histórias maravilhosas, emocionar, causar polêmica, criar amores e ódios em poucos segundos. E se uma grande obra-prima pode aparecer de onde menos se espera, também é verdade que uma bomba pode surgir de terrenos antes férteis e confiáveis.

O Destino de Júpiter, a nova ópera espacial de 176 milhões de dólares dos irmãos Wachowski, os visionários diretores por trás da trilogia Matrix, infelizmente se encaixa na segunda categoria.

O filme acompanha a história de Júpiter Jones (Mila Kunis), uma garota pobre que precisa ajudar a mãe a fazer faxina na casa de pessoas ricas, ficando geralmente com a ingrata tarefa de limpar vasos sanitários. Certo dia, ao ser atacada por seres extraterrestres, é salva por Caine (Channing Tatum), um ser Splice que lhe apresenta a todo um novo mundo.

o_destino_de_jupiter2Essa é mais ou menos a história do filme, que vai ficando gradativamente menos inteligível e mais entediante conforme o tempo passa. Como a protagonista e seu protetor não possuem nenhum objetivo definido, vagam pelo espaço à mercê dos vilões Balem (Eddie Redmayne, incrivelmente afetado), Kalique (Tuppence Middleton) e Titus (Douglas Booth).

Talvez o grande feito da dupla de cineastas aqui tenha sido transformar uma promissora odisseia espacial, que inclui criaturas fantásticas, naves gigantescas, um complô interplanetário e até uma desajeitada tentativa de crítica social, em um filme tão incrivelmente chato. Em determinados momentos, a narrativa fica tão estagnada que a maior diversão é mesmo tentar adivinhar se o personagem de Sean Bean desta vez conseguirá chegar vivo ao final do longa.

Nem mesmo os aspectos visuais desta vez compensam a jornada irregular que é O Destino de Júpiter, já que os irmão parecem estar menos inspirados do que nunca para criar naves espaciais ou os figurinos high-tech de seus personagens intergalácticos. Mais do que isso, os efeitos especiais são mal acabados, atingindo o ápice do mau gosto no visual dos seres reptilianos, que dão a impressão de ter saído de algum blockbuster dos mais genéricos.

o_destino_de_jupiter3Obviamente, a breguice do longa é proposital. Ninguém conseguiria fazer um filme como O Destino de Júpiter sem saber exatamente o efeito que pretendia alcançar. A questão é que, mesmo que tenha evocado uma atmosfera oitentista, o filme, com seus diálogos pavorosos, visual meia boca e narrativa incompreensível, traz à tona o pior da década, afastando-se das melhores obras que poderiam ter lhe servido de inspiração.

Cotação-1-5O Destino de Júpiter - poster nacionalO Destino de Júpiter (Jupiter Ascending)

Direção: Andy Wachowski e Lana Wachowski

Roteiro: Andy Wachowski e Lana Wachowski

Elenco: Mila Kunis, Channing Tatum, Eddie Redmayne, James D’Arcy, Sean Bean, Douglas Booth, Gugu Mbatha-Raw, Tuppence Middleton, Terry Gilliam, Charlotte Beaumont, Maria Doyle Kennedy, Doona Bae, Christina Cole, Alisha Heng, Jo Osmond, Tim Pigott-Smith, Neil Fingleton, Jeremy Swift, David Ajala, Tamela D’Amico, Symara A. Templeman, Kick Gurry, Demi Kazanis, Alexandra Fraser, Spencer Wilding, Nikki Amuka-Bird, Dilyana Bouklieva, Samuel Barnett, Katherine Cunningham, Charlotte Rickard, Edward Hogg, Ancuta Breaban, Hazel D’Jan, Kara Lily Hayworth, Tim Connolly, Luke Neal, Edd Osmond, Simon Dutton, Jon Norris, Jermanie Tindell, Elina Alminas, Eric Ian, Ariyon Bakare, Sarah Crowden, Jozef Aoki, Andy Ahrens, Georgia Winters, Mark Norris, Ekaterina Zalitko, Sharon Coleman, Thomas Gaitsch, Karen Anderson, Frog Stone, Oleg Nasobin, Nicholas A. Newman, Vander McLeod, Sarah Campbell, Grant Stimpson, Graeme Ford, Olia Klein, Rimmel Daniel, Tony Domino, Nathan Geist, Raiden Integra, Ryan Browning Johnson, Kenny Knight, Clem So.

Gênero: Ação/Aventura/Ficção

Duração: 127 minutos

Curta a fanpage do Cinelogin no Facebook!

Anúncios

Um comentário

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s