Estreias da Semana – 25 de setembro

Veja as principais estreias da semana nos cinemas brasileiros:

 

Sin City: A Dama Fatal (Sin City: A Dame To Kill For)

Sin City: A Dama Fatal - poster nacionalDireção: Robert Rodriguez e Frank Miller

Roteiro: Frank Miller, baseado nos seus próprios quadrinhos

Elenco: Mickey Rourke, Jessica Alba, Josh Brolin, Joseph Gordon-Levitt, Rosario Dawson, Bruce Willis, Eva Green, Powers Boothe, Dennis Haysbert, Ray Liotta, Christopher Meloni, Jeremy Piven, Christopher Lloyd, Jaime King, Juno Temple, Stacy Keach, Marton Csokas, Jude Ciccolella, Jamie Chung, Julia Garner, Lady Gaga, Alexa PenaVega, Patricia Vonne, Bart Fletcher, Alejandro Rose-Garcia, Samuel Davis, Mike Davis, Kimberly Cox, Alcides Dias, Vincent Fuentes, Billy Blair, Rob Franco, Daylon Walton, Eloise DeJoria, Bob Schreck, Sylvia Froman, Lawrence Varnado, Jimmy Gonzalez, Tommy Townsend, Robert Lott, Gregory Kelly, Patrick Sane, Greg Ingram, Will Beinbrink, Dimitrius Pulido, John Wirt, Emmy Robbin, Luis Albert Acevedo Jr., Christian Bowman, Johnny Reno, Holt Boggs, Gene Cervenka, Mike Lobo Daniel, Maria Engler, Heaven Elizabeth Fearn, Rebecca Franchione, Callie Hernandez, Lacey Hernandez, Kea Ho, Breona Horne, Duane Johnson, Slim Khezri, Stephen Latham, Johnny Lozano, David Maldonado, Robin McGee, Frank Miller, Dan Murphy, Darryl Perrilloux, Tanner Priest, Robert Rodriguez, Alex Sparrow, Gary Teague, Heath Young.

Gênero: Ação/Drama/Policial/Suspense

Duração: 102 minutos

Sinopse: Após a morte de John Hartigan (Bruce Willis), Nancy Callahan (Jessica Alba) só pensa em vingança. Ela passa suas noites dançando no mesmo bar, mas agora na companhia de uma garrafa de bebida, enquanto toma coragem para enfrentar o poderoso Senador Roark (Powers Boothe). Ao mesmo tempo, Dwight (Josh Brolin) tenta ajudar a enigmática Ava (Eva Green) apenas para se ver traído mais uma vez por esta dama fatal. Praticamente destruído, ele buscará a ajuda de Gail (Rosario Dawson) e sua turma para enfrentar a amada, enquanto que Nancy contará com o apoio do gigante Marv (Mickey Rourke).

Notas: Disponível em 2D e também em 3D em cinemas selecionados.

Sequência de Sin City: A Cidade do Pecado (2005).

Baseado nos quadrinhos homônimos de Frank Miller.

Frank Miller, além de ser autor dos quadrinhos e roteirista do filme, também co-dirigiu este Sin City a exemplo do primeiro. Na sua curta carreira de diretor, ele também tem em seu currículo o longa The Spirit: O Filme (2008).

O controverso diretor Robert Rodriguez tem em sua carreira longas como El Mariachi (1992), A Balada do Pistoleiro (1995), Um Drink no Inferno (1996), Prova Final (1998), Pequenos Espiões (2001), Pequenos Espiões 2: A Ilha dos Sonhos Perdidos (2002), Pequenos Espiões 3-D: Game Over (2003), Era Uma Vez no México (2003), Sin City: A Cidade do Pecado (2005), Planeta Terror (2007), A Pedra Mágica (2009), Machete (2010), Pequenos Espiões 4 (2011) e Machete Mata (2013), entre outros.

 

O Protetor (The Equalizer)

O Protetor - poster nacionalDireção: Antoine Fuqua

Roteiro: Richard Wenk, baseado na série de TV criada por Michael Sloan e Richard Lindheim

Elenco: Denzel Washington, Marton Csokas, Chloë Grace Moretz, David Harbour, Haley Bennett, Bill Pullman, Melissa Leo, David Meunier, Johnny Skourtis, Alex Veadov, Vladimir Kulich, E. Roger Mitchell, James Wilcox, Mike O’Dea, Anastasia Sanidopoulos Mousis, Allen Maldonado, Rhet Kidd, Mike Morrell, Matt Lasky, Shawn Fitzgibbon, Vitaly Shtabnoy, Timothy John Smith, Robert Wahlberg, Steve Sweeney, Owen Burke, Luz Mery Sanchez, John Romualdi, Johnny Messner, Patrick Coppola, William Xifaras, Jenny Johnson, Peter Haydu, Tait Fletcher, Mark Stefanich, Dan Bilzerian, Matt Leonard, Elisala Baker, Yan Dron, Thomas Granger Jr., Giovanni Alabiso, Christian Alvarado, Emilija Baksys, Marshall Berenson, D. Patrick Bowles, Sara Jane Burns, Mark Burzenski, David Cohen, Guy Cooper, Peter Crafts, Tiffany Crosby, Pasquale Dalessio, Tess Degen, Sal DiMino, Bob Dio, Steven Dougherty, Tihomir Dukic, Alexandr Dvornikov, Andrew Farazi, Debra Garrett, Mark Garrigus.

Gênero: Ação/Drama/Policial/Suspense

Duração: 131 minutos

Sinopse: Ex-oficial da polícia, Robert McCall (Denzel Washington) trabalha para ajudar pessoas motivado pelas injustiças sociais do lugar em que vive. Capaz de fazer tudo para proteger inocentes, ele na verdade quer esquecer seu passado conturbado.

Notas: Baseado na série de televisão The Equalizer, exibida pela CBS nos anos 80.

Décimo segundo longa de Antoine Fuqua na direção. Os anteriores são Assassinos Substitutos (1998), A Isca (2000), Dia de Treinamento (2001), Lágrimas do Sol (2003), Lightning in a Bottle (2004), Rei Arthur (2004), Murder Book (2005), Atirador (2007), Atraídos Pelo Crime (2009), Invasão a Casa Branca (2013) e Exit Strategy (2014).

 

Será Que? (What If)

Será Que? - poster nacionalDireção: Michael Dowse

Roteiro: Elan Mastai, baseado na peça de T.J. Dawe e Michael Rinaldi

Elenco: Daniel Radcliffe, Zoe Kazan, Megan Park, Adam Driver, Mackenzie Davis, Rafe Spall, Lucius Hoyos, Jemima Rooper, Tommie-Amber Pirie, Meghan Heffern, Jonathan Cherry, Rebecca Northan, Jordan Hayes, Oona Chaplin, Adam Fergus, Sam Moses, Ennis Esmer, Mike Wilmot, George Tchortov, Tamara Duarte, Rosalind S. Feldman, Vanessa Matsui, Don Ritter, Una C., Lucy DeLaat, Sarah Gadon, Derek Herd, Maria Ann Hylton, Dave McMullan, Ian Ng Cheng Hin, Chaka Wolfe.

Gênero: Comédia/Drama/Romance

Duração: 98 minutos

Sinopse: Wallace (Daniel Radcliffe) está sozinho há um ano, após terminar com a namorada depois de vê-la com outro homem. Encerrado o período de luto pelo fim do relacionamento, ele acredita que é hora de seguir em frente. Um dia, em uma festa organizada pelo melhor amigo Allan (Adam Driver), ele conhece Chantry (Zoe Kazan), a prima dele. Não demora muito para que o papo entre eles flua naturalmente e Wallace se ofereça para levá-la até em casa. Mas, ao chegar, ele descobre que Chantry tem um namorado, Ben (Rafe Spall), o que o desanima. Dias depois, Wallace e Chantry se reencontram por acaso e, após uma rápida conversa, decidem ser apenas amigos. A partir de então, eles andam juntos por tudo quanto é canto, apesar de Wallace nutrir um sentimento romântico por ela.

Notas: Sexto longa do também roteirista Michael Dowse na direção. Os anteriores são Fubar (2002), It’s All Gone Pete Tong (2004), Fubar II (2010), Uma Noite Mais Que Louca (2011) e Os Brutamontes (2011).

Adaptação da peça Toothpaste and Cigars, escrita por T.J. Dawe e Michael Rinaldi.

Vencedor do prêmio de melhor roteiro adaptado no Genie Awards 2014.

Vencedor do prêmio de melhor filme no Writers Guild of Canada 2014.

 

A Bela e a Fera (La Belle et La Bête)

A Bela e a Fera - poster nacionalDireção: Christophe Gans

Roteiro: Sandra Vo-Anh e Christophe Gans

Elenco: Vincent Cassel, Léa Seydoux, André Dussollier, Eduardo Noriega, Myriam Charleins, Audrey Lamy, Sara Giraudeau, Jonathan Demurger, Nicolas Gob, Louka Meliava, Yvonne Catterfeld, Dejan Bucin, Wolfgang Menardi, Mickey Hardt, Arthur Doppler, Elisabeth Bogdan, Marie Gruber, Gotthard Lange, Max Volkert Martens, Richard Sammel, Nora Huetz, Micha Bornhütter, OIivier Jurhs, Mike Möller, Thomas Hacikoglu, James Bomalick, Milos Reznicek, Pavel Novotny, Uli Ritcher, Roman Spacil, Kriss Fuss, Linda Gegusch, Dennis Oestreich, Pascal Rohé.

Gênero: Drama/Romance

Duração: 112 minutos

Sinopse: No ano de 1810 um naufrágio leva à falência um comerciante (André Dussollier), pai de três filhos e três filhas. A família se muda para o campo e Bela (Léa Seydoux), a filha mais jovem, parece ser a única entusiasmada com a vida rural. Certo dia o pai de Bela arranca uma rosa do jardim de um palácio encantado e acaba condenado à morte pelo dono do castelo, um monstro (Vincent Cassel). Para salvar a vida do pai, Bela vai viver com o estranho ser. Lá ela encontra uma vida cheia de luxo, magia e tristeza, e aos poucos descobre mais sobre o passado da Fera, que se sente cada vez mais atraída pela jovem moça.

Notas: Orçamento estimado em € 33 milhões.

Quinto longa do também roteirista francês Christophe Gans na direção. Seus filmes anteriores são Necronomicon – O Livro Proibido dos Mortos (1993), O Combate – Lágrimas do Guerreiro (1995), O Pacto dos Lobos (2001) e Terror em Silent Hill (2006).

 

Miss Violence (Miss Violence)

Miss Violence - posterDireção: Alexandros Avranas

Roteiro: Alexandros Avranas e Kostas Peroulis

Elenco: Kostas Antalopoulos, Constantinos Athanasiades, Chloe Bolota, Martha Bouziouri, Rafika Chawishe, Yiota Festa, Giorgos Gerontidakis-Sempetadelis, Minas Hatzisavvas, Nikos Hatzopoulos, Vaso Iatropoulou, Maria Kallimani, Stefanos Kosmidis, Anna Koutsaftiki, Vasilis Kuhkalani, Christos Loulis, Themis Panou, Reni Pittaki, Eleni Roussinou, Maria Skoula, Giorgos Symeonidis, Sissy Toumasi, Kalliopi Zontanou.

Gênero: Drama

Duração: 98 minutos

Sinopse: Aggeliki (Chloe Bolota) no seu aniversário de 11 anos se joga da varanda de casa com um sorriso no rosto. Sua família alega que não foi suicídio, mas sim um acidente e  parece conformada com a morte da menina tentando, de todas as formas, continuar com suas vidas, perfeitamente organizadas. Em busca de respostas, promotores começam uma investigação para saber se foi, ou não suicídio e quais são os segredos obscuros que essa família, aparentemente perfeita guarda.

Notas: Segundo longa do grego Alexandros Avranas na direção. O anterior foi Without (2008).

Vencedor dos prêmios de melhor ator (Themis Panou) e melhor atriz coadjuvante (Reni Pittaki) no Hellenic Film Academy Awards 2014.

Vencedor do Innovation Award International Competition no Montréal Festival of New Cinema 2013.

Vencedor do prêmio de melhor roteiro no Stockholm Film Festival 2013.

Vencedor dos prêmios de melhor filme euro-mediterrâneo, melhor diretor, melhor ator (Themis Panou) e do prêmio Young Cinema Award de melhor filme em competição no Festival de Veneza 2013.

 

A Pelada (A Pelada)

A Pelada - posterDireção: Damien Chemin

Roteiro: Damien Chemin

Elenco: Kika Farias, Bruno Pêgo, Karen Junqueira, Tuca Andrada.

Gênero: Comédia/Drama

Duração: 82 minutos

Sinopse: Em Aracaju, Sergipe, um casal em crise busca um meio de esquentar a relação. Enquanto o malandro Caio (Bruno Pêgo) paquera outras mulheres, se dá conta de que não dá a devida atenção para a esposa, Sandra (Kika Farias). Ela, por sua vez, propõe outras alternativas para o namoro dentro do casamento: incluindo objetos sexuais e uma relação a três.

Notas: Segundo filme de Damien Chemin na direção. O primeiro foi o longa belga Lampião – Rêve de Bandit (2007).

 

12 de Junho de 93: O Dia da Paixão Palmeirense – O Filme (12 de Junho de 93: O Dia da Paixão Palmeirense – O Filme)

12 de Junho de 1993: O Dia da Paixão Palmeirense - O Filme - posterDireção: Mauro Beting e Jaime Queiroz

Roteiro: Mauro Beting e Jaime Queiroz

Elenco: Paulo Nobre, Edmundo, Evair, Vanderlei Luxemburgo, Zinho, César Sampaio.

Gênero: Documentário

Duração: 93 minutos

Sinopse: Após 16 anos sem ganhar nenhum título expressivo, a Sociedade Esportiva Palmeiras, conquista o Campeonato Paulista em 12 de junho de 1993. O time vivia um período de jejum quando ganhou a final contra o Corinthians, após amargar uma derrota na primeira partida da decisão. Liderados pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, o jogo só terminou nos acréscimos, e dos pés do ídolo Evair, em cobrança de pênalti, saiu o 4º gol. A partir daí, o Palmeiras volta a sua vitoriosa trajetória de títulos.

Notas: Longa de estreia de Jaime Queiroz e do jornalista Mauro Beting na direção.

 

O Pequeno Fugitivo (Little Fugitive)

O Pequeno Fugitivo - poster nacionalDireção: Ray Ashley, Morris Engel e Ruth Orkin

Roteiro: Ray Ashley, Morris Engel e Ruth Orkin, baseado em pré-roteiro de Ray Ashley

Elenco: Richard Brewster, Winifred Cushing, Jay Williams, Will Lee, Charlie Moss, Tommy DeCanio, Richie Andrusco, Ruth Orkin.

Gênero: Drama

Duração: 80 minutos

Sinopse: Joey (Richie Andrusco) é um pequeno menino cujo irmão, Lennie (Richard Brewster), é a grande inspiração. Os dois são muito apegados e inseparáveis. Um dia, sua mãe precisa deixar os dois sozinhos em casa. Lennie fica encarregado de cuidar do irmão caçula, porém, decide pregar uma peça em Joey fingindo ter sido morto por ele. Joey assustado foge de casa e vai para Coney Island, em um grande parque de diversões.

Notas: Orçamento estimado em US$ 30 mil.

Filme originalmente lançado em 1953.

Indicado ao Oscar de melhor roteiro no Oscar 1954.

Vencedor do prêmio de melhor filme estrangeiro no Italian Syndicate of Film Journalists 1954.

Vencedor do NBR Award Top Ten Films no National Board of Review, USA 1953.

Vencedor do Leão de Prata no Festival de Veneza 1953.

Vencedor do National Film Registry no National Film Preservation Board, USA 1997.

Único longa dirigido por Ray Ashley.

Morris Engel tem em sua carreira também filmes como Lovers and Lollipops (1956), Weddings and Babies (1958) e Camellia (1998), entre outros.

Ruth Orkin, além de O Pequeno Fugitivo, só dirigiu Lovers and Lollipops (1956), também em parceria com Morris Engel.

Relançamento em cinema pelas mãos da distribuidora Espaço Filmes com a ideia de dar ao público a chance de rever na telona, grandes clássicos da história do cinema. Por esse mesmo projeto já foram relançados Um Corpo Que Cai (1958), Fome de Viver (1983), Os Pássaros (1963) e Monty Python – O Sentido da Vida (1983).

 

AVISO: A data de estreia dos filmes é de inteira responsabilidade de suas distribuidoras, sendo sempre possível uma mudança de datas de última hora.

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s