Estreias da Semana – 29 de maio

Veja as principais estreias da semana nos cinemas brasileiros:

 

No Limite do Amanhã (Edge Of Tomorrow)

No Limite do Amanhã - poster nacionalDireção: Doug Liman

Roteiro: Christopher McQuarrie, Jez Butterworth e John-Henry Butterworth, baseado no romance de Hiroshi Sakurazaka

Elenco: Tom Cruise, Emily Blunt, Brendan Gleeson, Bill Paxton, Jonas Armstrong, Tony Way, Kick Gurry, Franz Drameh, Dragomir Mrsic, Charlotte Riley, Masayoshi Haneda, Terence Maynard, Noah Taylor, Lara Pulver, Madeleine Mantock, Assly Zandry, Sebastian Blunt, Beth Goddard, Ronan Summers, Aaron Romano, Usman Akram, Bentley Kalu, Mairead McKinley, Andrew Neil, Martin Hyder, Tommy Campbell, John Dutton, Harry Landis, Rachel Handshaw, Martin McDougall, Anna Botting, Jane Hill, Erin Burnett, Dany Cushmaro, David Kaye, Jackson, Emmanuel Akintunde, Lee Asquith-Coe, André Azevedo, Chris Cartwright, Elaine Caulfield, Bruce Chong, Bern Collaco, Nick Donald, Gary Douglas, Marco Flammer, Kyla Frye, Nazaire Gbolo, Natasha Goulden, Goldie Green.

Gênero: Ação/Ficção

Duração: 113 minutos

Sinopse: Quando a Terra é tomada por alienígenas, Bill Cage (Tom Cruise) é obrigado a juntar-se às Forças Armadas e ir para a linha de frente no dia do confronto final. Inexplicavelmente ele acaba preso no tempo, condenado a reviver esta data repetidamente. A cada morte e renascimento, Cage adquire mais conhecimento e, antecipando os acontecimentos, tem a chance de mudar o curso da batalha com o apoio da guerreira Rita Vrataski (Emily Blunt).

Notas: Orçamento estimado em US$ 178 milhões.

Disponível em 2D e também em 3D em cinemas selecionados.

Adaptação do romance All You Need is Kill, de Hiroshi Sakurazaka.

Oitavo longa de Doug Liman na direção. Seus filmes anteriores são Vestibular da Morte (1994), Swingers: Curtindo a Noite (1996), Vamos Nessa (1999), A Identidade Bourne (2002), Sr. e Sra. Smith (2005), Jumper (2008) e Jogo de Poder (2010).

 

Malévola (Maleficent)

Malévola - poster nacionalDireção: Robert Stromberg

Roteiro: Linda Woolverton, baseado na história de Charles Perrault, Jacob Grimm e Wilhelm Grimm e baseado no roteiro de Erdman Penner, Joe Rinaldi, Winston Hibler, Bill Peet, Ted Sears, Ralph Wright e Milt Banta

Elenco: Angelina Jolie, Elle Fanning, Sharlto Copley, Lesley Manville, Imelda Staunton, Juno Temple, Sam Riley, Brenton Thwaites, Kenneth Cranham, Sarah Flind, Hannah New, Isobelle Molloy, Michael Higgins, Ella Purnell, Jackson Bews, Angus Wright, Oliver Maltman, Gary Cargill, John O’Toole, Harry Atwell, Anthony May, James Hicks, Stephan Chase, Mark Caven, Chris Leaney, Jamie Maclachlan, Shaun Smith, Vivienne Jolie-Pitt, Eleanor Worthington-Cox, John Macmillan, Tim Treloar, Peter G. Reed, Marama Corlett, Lima McKenna, Steven Cree, David Boat, Janet McTeer, Karen Anderson, Lasco Atkins, James Ayling, Adam Bond, Scott Bradley, Sophie-Anna Brough, Alfred Camp, Charlotte Chatton, Hermione Corfield, Nick Donald, Terri Douglas, Damon Driver, Josh Dyer.

Gênero: Ação/Aventura/Fantasia

Duração: 97 minutos

Sinopse: História não contada da vilã da Disney, Malévola (Angelina Jolie), do clássico de 1959, A Bela Adormecida. Uma bela e ingênua jovem com atordoantes asas negras, Malévola, leva uma vida idílica em um pacífico reino em uma floresta, até o dia em que um exército invasor de humanos ameaça a harmonia da região. Malévola surge como a mais feroz protetora da região, mas acaba sendo vítima de uma impiedosa traição – um acontecimento que começa a transformar seu coração, outrora repleto de pureza, em pedra. Determinada a se vingar, Malévola enfrenta uma batalha épica contra o rei dos humanos e, como consequência, amaldiçoa sua filha recém-nascida Aurora (Elle Fanning). Conforme a menina cresce, Malévola percebe que Aurora é a peça essencial para estabelecer a paz no reino – e para sua verdadeira felicidade também.

Notas: Orçamento estimado em US$ 200 milhões.

Disponível em 2D e também em 3D em cinemas selecionados.

Longa de estreia de Robert Stromberg na direção.

 

Os Homens São de Marte… E é Pra Lá Que Eu Vou! (Os Homens São de Marte… E é Pra Lá Que Eu Vou!)

Os Homens São de Marte... E é Pra Lá Que Eu Vou! - posterDireção: Marcus Baldini e Homero Olivetto

Roteiro: Mônica Martelli, Suzana Garcia, Patricia Corso, Herson Capri, Homero Olivetto e Pedro Aguilera

Elenco: Mônica Martelli, Paulo Gustavo, Daniele Valente, Marcos Palmeira, Humberto Martins, Peter Ketnath, Eduardo Moscovis, José Loreto, Irene Ravache, Maria Gladys, Herson Capri, Ana Lúcia Torre, Alejandro Claveaux, Luís Capti Kwong, Júlia Rabello, Tulipa Ruiz, Lulu Santos

Gênero: Comédia

Duração: 106 minutos

Sinopse: Ironia. Essa é a definição ideal para a situação de Fernanda (Mônica Martelli), de 39 anos, que trabalha organizando a cerimônia mais importante do imaginário feminino, o casamento, mas é solteira. Forte devota do amor, a produtora lida com os mais diversos tipos de homem e reserva grande parte do seu tempo à procura do par perfeito.

Notas: O filme é uma adaptação da peça de sucesso homônima que esteve oito anos em cartaz pelo Brasil e atraiu 1,5 milhão de espectadores.

Segundo longa de Marcus Baldini na direção. O primeiro foi Bruna Surfistinha (2011). Primeiro longa de Homero Olivetto como co-diretor, como diretor principal ele foi responsável apenas por um documentário musical homônimo da cantora Maria Rita (2003).

 

Grand Central (Grand Central)

Grand Central - poster nacionalDireção: Rebecca Zlotowski

Roteiro: Gaëlle Macé e Rebecca Zlotowski

Elenco: Tahar Rahim, Léa Seydoux, Olivier Gourmet, Denis Ménochet, Johan Libéreau, Nozha Khouadra, Nahuel Pérez Biscayart, Camille Lellouche, Guillaume Verdier, Marie Berto, Margot Faure, Julie Moulier, Claude Dubout, Grégory Givernaud, Karim Leklou, Nahoual Hadiaf, Kessy Magnary, Matys Hilaire, Marius Hilaire, Jacques Morel, Pierre Piacentino, Lianna Dubout-Luciano, Pascal Farre, Pierre Nisse, David Carvalho-Jorge, Véronique Smolen, François Négret, Frank Gelardo, Yann Franck, René Remblier, Vincent Stupar, Abdoulaye Fofana, Kevin Pelherbe, Mohad Sanou, Adrien Saint-Joré, Maëvä Fertier.

Gênero: Drama/Romance

Duração: 94 minutos

Sinopse: Gary (Tahar Rahim) é um jovem que aprende rápido, sempre mudando de um trabalho para outro. Após ser contratado em uma usina nuclear, ele encontra tudo o que sempre procurou: dinheiro, uma equipe e uma família. No meio dos reatores, ele se apaixona pela mulher de um colega, e logo é ameaçado por esse amor proibido e pela constante contaminação radioativa.

Notas: Apresentado na mostra Un Certain Regard do Festival de Cannes 2013.

Vencedor do Golden Swan Grand Prix no Cabourg Romantic Film Festival 2013.

 

Oslo, 31 de Agosto (Oslo, 31. August)

Oslo, 31 de Agosto - poster nacionalDireção: Joachim Trier

Roteiro: Joachim Trier e Eskil Vogt, baseado no livro de Pierre Drieu La Rochelle

Elenco: Anders Danielsen Lie, Hans Olav Brenner, Johanne Kjellevik Ledang, Ingrid Olava, Anders Borchgrevink, Andreas Braaten, Malin Crépin, Bettina Fleischer, Petter Width Kristiansen, Emil Lund, Tone Beate Mostraum, Renate Reinsve, Øystein Røger, Kjærsti Odden Skjeldal, Iselin Steiro, Aksel Thanke, Petter With.

Gênero: Drama

Duração: 95 minutos

Sinopse: Anders (Anders Danielsen Lie) é está se recuperando do vício em drogas numa clínica de reabilitação em Oslo. No dia 30 de agosto ele ganha a permissão para sair da casa de tratamento, visitar seu amigo Thomas (Hans Olav Brenner) e ir em uma entrevista de emprego no centro da cidade. Durante seu dia e noite na cidade, Anders será confrontado com seus erros do passado e irá refletir sobre sua própria existência.

Notas: O filme é parcialmente baseado no livro francês Le Feu Follet, romance lançado em 1931 por Pierr Drieu La Rochelle.

Segundo longa de Joachim Trier na direção. O primeiro foi Começar de Novo (2006).

Vencedor dos prêmios de melhor diretor e melhor edição no Amanda Awards 2012.

Vencedor do prêmio especial do Júri Competição Internacional no Istanbul International Film Festival 2012.

Vencedor do prêmio de melhor ator (Anders Danielsen Lie) no RiverRun International Film Festival 2012.

Vencedor dos prêmios Cavalo de Bronze e melhor fotografia no Stockholm Film Festival 2011.

Vencedor do prêmio de melhor filme no Transilvania International Film Festival 2012.

 

A Farra do Circo (A Farra do Circo)

A Farra do Circo - posterDireção: Roberto Berliner e Pedro Bronz

Roteiro: Roberto Berliner e Pedro Bronz

Elenco: Atores desconhecidos

Gênero: Documentário/Musical

Duração: 94 minutos

Sinopse: 1982, o Brasil é palco de uma revolução na cena cultural. Documentário composto por imagens feitas por Roberto Berliner durante a década de 80 que retrata a geração responsável pela “usina de sonho”, ou Circo Voador, como hoje é conhecido. Acontecimentos que passam pelo Arpoador, Lapa e vai até a Copa do México em 1986, marcam um novo cenário cultural brasileiro.

Notas: A dupla Roberto Berliner e Pedro Bronz foi responśável pelo elogiado documentário musical Herbert de Perto (2009), que contava a trajetória de Herbert Vianna, vocalista da banda Os Paralamas do Sucesso.

 

Setenta (Setenta)

Setenta - posterDireção: Emilia Silveira

Roteiro: Sandra Moreyra

Elenco: Atores desconhecidos

Gênero: Documentário

Duração: 96 minutos

Sinopse: 1970, ditadura militar. Um grupo de 70 presos políticos, membros das mais diversas organizações, é enviado ao Chile como exigência para a libertação do embaixador suíço Giovanni Enrico Bucher por parte de seus seqüestradores. 40 anos depois, entrevistas com parte dos ex-presos retratam sua identidade, sua visão acerca da política naquela época e seus projetos para o futuro.

Notas: Longa de estreia da diretora Emilia Silveira.

 

Anos Felizes (Anni Felici)

Anos Felizes - poster nacionalDireção: Daniele Luchetti

Roteiro: Daniele Luchetti, Sandro Petraglia, Stefano Rulli e Caterina Venturini, baseado em história de Daniele Luchetti

Elenco: Kim Rossi Stuart, Micaela Ramazzotti, Martina Gedeck, Samuel Garofalo, Niccolò Calvagna, Pia Engleberth, Benedetta Buccellato, Angelique Cavallari, Ivan Castiglione, Sylvia De Fanti, Francesca Cardinale.

Gênero: Drama

Duração: 106 minutos

Sinopse: Em Roma, nos anos 1970, o relacionamento entre o artista Guido (Kim Rossi Stuart) e sua esposa Serena (Micaela Ramazzotti) passa por dificuldades. Enquanto ele não esconde a atração cada vez maior por suas modelos, ela começa a pensar se não deveria também experimentar as paixões extraconjugais. Enquanto isso, os dois filhos do casal observam as brigas, os amores e as manipulações em família.

Notas: Orçamento estimado em €7.000.000.

O veterano diretor italiano Daniele Luchetti é responsável por filmes como Juke Box (1985), La Scuola (1995), I Piccoli Maestri (1998) e Meu Irmão é Filho Único (2007) entre outros.

 

A Primeira Missa ou Tristes Tropeços, Enganos e Urucum (A Primeira Missa ou Tristes Tropeços, Enganos e Urucum)

A Primeira Missa ou Tristes Tropeços, Enganos e Urucum - posterDireção: Ana Carolina

Roteiro: Ana Carolina, inspirado no quadro de Victor Meirelles

Elenco: Fernanda Montenegro, Rui Unas, Marcantonio Del Carlo, Rita Lee, Xuxa Lopes, Alessandra Maestrini, Oscar Magrini, Andrea Richa, Arrigo Barnabé, Pedro Barreiro, Mariano Mattos Martins, Beto Coville, Wagner Molina, Rosa Grobman, Ricardo Silva, Dagoberto Feliz.

Gênero: Comédia/Drama

Duração: 90 minutos

Sinopse: Inspirada no quadro homônimo de Victor Meirelles, a trama gira em torno de um grupo de cineastas, tentando reconstruir um marco na história do Brasil: a primeira missa. Na cena, o Frei Henrique de Coimbra e alguns jesuítas ordenam silêncio para que a missa se concretize. O diálogo dos portugueses e dos índios, refletindo sobre o futuro do país, constrata com os diálogos dos membros da equipe de filmagem, que comentam a situação política do Brasil atual.

Notas: Sétimo longa de Ana Carolina como diretora. Os anteriores são Getúlio Vargas (1974), Mar de Rosas (1978), Das Tripas Coração (1982), Sonho de Valsa (1987), Amélia (2001) e Gregório de Mattos (2003).

 

Walesa (Walesa Czlowiek Z Nadziei)

Walesa - posterDireção: Andrzej Wajda

Roteiro: Janusz Glowacki

Elenco: Robert Wieckiewicz, Agnieszka Grochowska, Iwona Bielska, Zbigniew Zamachowski, Maria Rosaria Omaggio, Ewa Kolasinska, MIroslaw Baka, Michal Czernecki, Remigiusz Jankowski, Wojciech Kalarus, Piotr Probosz, Marcin Hycnar, Maciej Marczewski, Maciej Konopinski, Cezary Kosinski, Marcel Glogowski, Wiktor Malinowski, Kamil Jaworski, Katarzyna Ankudowicz, Maciej Stuhr, Dorota Wellman, Ewa Kurylo, Jakub Swiderski, Andrzej Grabowski, Aleksander Skowronski, Boguslaw Kudlek, Mateusz Kosciukiewicz, Michal Meyer, Przemyslaw Bluszcz, Grzegorz Malecki, Maciej Robakiewicz, Adam Woronowicz, Ewa Konstancja Bulhak, Waldemar Barwinski, Wojciech Blach, Tomasz Budyta, Ewa Bzdega, Pawel Ciolkosz, Maria Ciunelis, Marek Czetwertynski, Arkadiusz Detmer, Ireneusz Dydlinski, Henryk Golebiewski, Anna Gryszka, Miroslaw Haniszewski, Mateusz Janicki, Arkadiusz Janiczek, Piotr Jankowski, Wojciech Leonowicz, Cezary Lukaszewicz.

Gênero: Drama

Duração: 127 minutos

Sinopse: 1970, Polônia. Lech Walesa (Robert Wieckiewicz) luta pela revolução do povo Polonês, frente à invasão Comunista no país. Uma história baseada em fatos reais, em que a voz e a garra de um homem alcançaram repercussões mundiais. O filme retrata a vida e a luta do ganhador do Prêmio Nobel da Paz, e fundador do Movimento Solidário Polônes, Lech Walesa.

Notas: O veterano diretor polonês Andrzej Wajda é responsável por filmes como Cinzas e Diamantes (1958), Os Inocentes Charmosos (1960), Samson – A Força Contra o Ódio (1961), Tudo à Venda (1969), Paisagem Após a Batalha (1970), Terra Prometida (1975), O Homem de Mármore (1977), O Homem de Ferro (1981), Os Possessos (1988), Zemsta (2002) e Tatarak (2009) entre outros.

Representante polonês para concorrer ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2014.

Vencedor do prêmio de melhor ator (Robert Wieckiewicz) no Chicago International Film Festival 2013.

Vencedor do Bridging The Borders Award no Palm Springs International Film Festival 2014.

Vencedor do Pasinetti Award – Menção Especial para Maria Rosaria Omaggio no Venice Film Festival 2013.

 

Rio em Chamas (Rio em Chamas)

Rio em Chamas - posterDireção: Daniel Caetano, Eduardo Souza Lima, Vinícius Reis, Cavi Borges, Diego Felipe Souza, Luiz Claudio Lima, Ana Costa Ribeiro, Ricardo Rodrigues, Vítor Gracciano, Luiz Giban, Clara Linhart e André Sampaio

Roteiro: Daniel Caetano e Cavi Borges

Elenco: Carol Pucu, Patricia Melo, Samuel Toledo, Richard Rebelo, Paulo Tiefenthaler, Luiz Bello, Luiz Henriques, Luiza Cascon, André Sampaio.

Gênero: Documentário

Duração: 109 minutos

Sinopse: Em meados de 2013 a revolta explodiu e o povo tomou as ruas do Rio de Janeiro. Participantes comentam o fenômeno nesta obra coletiva que mistura animação, entrevistas, dramatização e registros dos protestos. Um filme-manifestação sobre as manifestações.

Notas: Filme dividido em histórias e episódios.

Estreia no Cine Odeon Petrobras, no Rio de Janeiro.

 

AVISO: A data de estreia dos filmes é de inteira responsabilidade de suas distribuidoras, sendo sempre possível uma mudança de datas de última hora.

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s