How I Met Your Mother S09E03 – Last Time in New York | Review

Vai ser um longo final de semana em How I Met Your Mother. Pra quem não sabe, a temporada irá se passar no fim de semana em que Barney e Robin se casam. A princípio isso poderia ser um diferencial para a série em seu último, mas por enquanto esse terceiro epidódio que a escolha não foi a mais sensata e que muitos personagens saíram prejudicados.

O primeiro sem dúvida alguma é Marshal, preso num plot chato, com uma personagem irritante com companheira (e não no bom sentido). Afastá-lo por tanto tempo do grupo principal afetou diretamente a dinâmica da série. Vejam só, mais uma vez tivemos um mini-desespero de Robin e Barney em se casar (o primeiro foi a possibilidade do primo em comum, o segundo foi a descoberta da separação do irmão do Barney e hoje o medo das brigas aumentarem e o sexo diminuir quando eles ficarem velhos.) Não sei quantos desses plots os roteiristas ainda nos reservam, mas já tá bom.

Outro fator que demonstra o já desgaste da fórmula escolhida pro episódio é que a melhor cena se passou fora da pousada, no apartamento central. A luta de espada entre Marshal e Ted, e posteriormente Robin e Lily, foi um dos pontos altos do episódio, com direito a referências a A Princesa Prometida, sotaques forçados e a desastres previsíveis: o vestido rasgado e o uísque quebrado.

Entretanto, o ponto alto fica com o plot de Lily e Ted, que fez uma lista das últimas coisas a se fazer em Nova Iorque. Embora condene o motivo (Ted depois de tanto tempo ainda sentir algo por Robin), as consequências foram positivas, ver Ted fazendo suas “últimas coisas” em Nova Iorque rendeu algumas risadas, e o conselho de Lily de se despedir também de coisas ruins criou um clima de nostalgia ao relembrar alguns perrengues que Ted já passou.

Inovando também na sua forma de conclusão, a série lançou mão de um artifício pouco usado em sitcoms: o cliffhanger. No fim, Ted havia passado bom tempo evitando Barney e o confrontamento se deu com Barney dizendo: “Eu vi você e a Robin no carrossel.”, o que significa que Barney de fato havia deixado o laser tag pra ir atrás da Robin. Foi pouco, mas foi o suficiente pra me fazer esperar pelo episódio da próxima semana.

  •  Não teve a Mãe essa semana, por um lado se tivessem incluído ela em qualquer um dos plots seria pior.
  • Que falta de criatividade essa de velhos como zumbis. Praticamente nada funcionou.
  • Ainda não vi necessidade de tornar Wayne Brady um regular essa temporada. Totalmente dispensável aqui.
  • “Thank you, Linuses”
Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s