Xuxa, Rainha do Cinema Nacional

Muita gente pode chiar, mas o fato é incontestável. No cinema nacional, a atriz que mais arrecadou em bilheteria até hoje foi Maria das Graças Meneghel, mais conhecida como Xuxa. Sim, além de ser a “Rainha dos baixinhos”, Xuxa também reina (ou reinava) absoluta nos cinemas brasileiros. Hoje, 27 de março de 2013, Xuxa completa 50 anos, e nós, do Cinelogin, não poderíamos deixar de homenagear esta estrela que tanto contribuiu com a sétima arte no Brasil.

Sim, pode-se contestar os méritos digamos, artísticos, de suas produções, mas graças à sua popularidade o cinema nacional sobreviveu numa época em que estava praticamente no limbo, os anos 1980 e 90, quando apenas ela e os Trapalhões (que merecerão um artigo próprio) conseguiam faturar com o cinema tupiniquim. Gostando ou não, é impossível desconsiderar sua importância no cinema e na mídia brasileira em geral, um ícone que até hoje gera curiosidade e discussão de quem a ama ou odeia.

lua-de-cristal1
Xuxa e Sérgio Mallandro em Lua de Cristal

Quem nunca cantarolou, mesmo que de brincadeira, Lua de Cristal? Fez parte da infância de gerações que assistiram ao filme, seja no cinema, seja na Sessão da Tarde. Lua de Cristal é praticamente um clássico do cinema verde e amarelo, afinal, a paródia de Cinderela dialogando com a história de vida da própria Xuxa, tendo como príncipe encantado Sérgio Mallandro é antológico! Como não amar? Não é à toa que é sua maior bilheteria, tendo vendido mais de 4 milhões de ingressos em 1990, quando foi lançado.

Outro clássico, aliás, é o primeiro filme de Xuxa depois de ter se tornado rainha dos baixinhos (pois o primeiro mesmo foi no polêmico Amor, Estranho Amor, de 1982), Super Xuxa Contra o Baixo Astral (1988), que é uma verdadeira viagem surrealista para crianças, inspirada inclusive, em Labirinto – A Magia do Tempo (1986), filme estrelado por David Bowie e dirigido por Jim Henson, criador dos Muppets.

super-xuxa-contra-o-baixo-astral-o-labirinto
Super Xuxa e Labirinto. Vai negar a influência?

Dos 17 filmes que Xuxa participou, pelo menos 10 ultrapassaram a marca dos 2 milhões de espectadores, um número considerável até mesmo para blockbusters Hollywoodianos por aqui. Isso se deve muito por sua popularidade nos anos 80 e 90, época em que Xuxa obtinha recordes de audiência ocupando praticamente a manhã inteira da programação da Rede Globo, mas também, e isso é inegável, ao seu enorme carisma, que a fez chegar onde chegou.

Afinal de contas, tudo pode ser, se quiser será, o sonho sempre vem pra quem sonhar, tudo pode ser, só basta acreditar, tudo o que tiver que ser, será…

Feliz aniversário, Xuxa.

Curta a fanpage do bom Cinelogin no Facebook!

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s