How I Met Your Mother S08E04: Who Wants to Be a Godparent? | Review

Com a possibilidade desta ser a última temporada de How I Met Your Mother, a premiere mostrou ótimos caminhos que a série poderia seguir. Chegamos a ver um pouco da mãe (bem pouco, é verdade), mas de lá pra cá a série anda apresentando episódios abaixo da média que sequer mencionam a mãe, o que me leva a pensar duas coisas: 1- essa não é a última temporada e 2- só teremos bons episódios em momentos especiais, tipo finales.

Nessa semana, em mais um filler desnecessário, Marshall e Lily descobrem que Nova Iorque é um local perigoso, e que caso ambos morram, alguém deverá ser o guardião do pequeno Marvin. Marshall aproveita a oportunidade e cria um jogo caseiro chamado “Quem Quer Ser um Padrinho”. A ideia é ótima, mas a execução deixa muito a desejar. A efeito de comparação, lembremos de um episódio de Friends em que Ross lidera um jogo caseiro entre Joey e Chandler versus Monica e Rachel pra ver quem ficaria com o apartamento maior e vejam a chance que HIMYM perdeu de fazer uma episódio memorável.

A série, diga-se, ainda possui bons recursos como os flashforwards, mas quase nenhum se mostrou realmente engraçado na brincadeira. O pior foi ver que novamente alguns personagens estão sendo caricaturados a fim de forçar uma risada, algo que a série nunca tinha feito de uma maneira tão esdrúxula. Ou vocês acham mesmo que Ted usaria um boneco de meia pra falar com uma criança sobre a morte dos pais dela?

Outra que parece fora de sintonia é a Robin. Até onde lembro, ela tem pavor a crianças, já que foge até de comercial de bebês. A recente paixão de Robin por bebês parece algo solto demais. E por mais que ela tenha ficado triste ao perceber que não poderia mais ter filhos, não acho que esse sentimento mudaria nela de uma hora pra outra. E tem mais uma coisa, durante toda a série soubemos da relação estreita que ela tinha com o pai dela, o que torna muito mais estranho ela usar como referência em educação a frase: “Eu faria do jeito que meu pai fez comigo.”

Mas o grande furo parte de algo essencial ao episódio: o próprio jogo. Seria necessário um game pra que o casal escolhesse entre Ted, Robin e Barney. É óbvio que Ted deveria ser a melhor escolha, afinal durante toda a série ele se mostra como uma grande mãe pros amigos, Robin como disse já afirmou não querer filhos e Barney, bem, nem preciso explicar. O final novamente foi decepcionante, além de demonstrar a inutilidade do jogo, traz uma dúvida: como os três cuidariam de um bebê se cada um, atualmente, mora em um lugar diferente e estão em relacionamentos diferentes?

How I Met Your Mother precisa urgentemente voltar aos trilhos. A ótima premiere da oitava temporada mostrou que a série ainda tem um pouco de fôlego e que os personagens ainda funcionam juntos, mas esses últimos episódio andaram na contra-mão disso tudo, sobretudo por transformarem a série em algo unidimensional.

Leia mais reviews de How I Met Your Mother

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s